FVS emite alerta e compartilha orientações para evitar a “virose da mosca” no Amazonas

Alerta sobre a “virose da mosca” é emitido pela Fundação de Vigilância em Saúde do Amazonas

Nessa sexta-feira (5), a Fundação de Vigilância em Saúde do Amazonas (FVS-AM) emitiu um alerta sobre a “virose da mosca”, uma doença que está preocupando as redes sociais. A enfermidade, cientificamente conhecida como Doenças de Transmissão Hídrica e Alimentar (DTHA), é causada pela ingestão de água e/ou alimentos contaminados por agentes como vírus e bactérias.

Os sintomas da doença incluem febre, dor abdominal, vômitos, diarreia, presença de sangue ou muco nas fezes e desidratação. A contaminação pode ocorrer através do contato com alimentos contaminados.

A Fundação ressalta que as moscas podem estar envolvidas na transmissão da doença, mas a contaminação só ocorrerá se os alimentos contaminados forem consumidos sem o devido cuidado, ou se as mãos e/ou utensílios não forem higienizados corretamente.

Para prevenir a doença, é necessário realizar a higienização das mãos com água e sabão ou álcool a 70% frequentemente, manejar os alimentos adequadamente, ingerir água tratada, manter os ambientes limpos e livres de resíduos para evitar a presença de moscas, baratas e outros vetores.

Caso apresente sintomas, é importante procurar uma Unidade Básica de Saúde (UBS) próxima da residência.

Fonte: https://cm7brasil.com/amazonas/virose-da-mosca-fvs-faz-alerta-e-da-dicas-de-como-se-prevenir-contra-a-doenca-no-amazonas/