Indiciamento do Filho de Jair Bolsonaro pela PC por falsidade ideológica e lavagem de dinheiro

Pela Agência Brasil – Concluído na última quinta-feira (15), pela Polícia Civil do Distrito Federal (PCDF), o inquérito vinculado à Operação Nexum, que foi deflagrada em agosto do ano passado. A investigação visava à descoberta de um suposto esquema composto por fraudes, estelionato, falsificação de documentos, evasão fiscal e lavagem de dinheiro, envolvendo Jair Renan Bolsonaro, filho do ex-presidente Jair Bolsonaro, e seu instrutor de tiro, Maciel Alves.

Segundo a PCDF, ao término da investigação, que está sob sigilo, Jair Renan e Maciel Alves foram formalmente incriminados pelos crimes de falsidade ideológica, utilização de documento falso e lavagem de dinheiro. No dia 8 de fevereiro, o relatório final da investigação foi enviado ao Poder Judiciário, conforme informado pela corporação. Agora, é função do Ministério Público do Distrito Federal e Territórios (MPDFT) avaliar o caso e decidir se oferece denúncia contra ambos, para instaurar um processo penal na Justiça.

Em 2021, foi realizada uma operação de busca e apreensão contra os acusados. A investigação apontava, segundo os pesquisadores, para “a existência de uma organização criminosa cuja estratégia de obtenção de vantagens econômicas inadequadas passa pela inserção de uma terceira pessoa, conhecida como ‘laranja’ ou ‘testa de ferro’, para esconder o proprietário real das empresas fachada ou empresas ‘fantasmas’, utilizadas pelo principal suspeito e seus cúmplices”. A Operação Nexum foi realizada pelo Departamento de Combate à Corrupção e ao Crime Organizado (Decor) da Polícia Civil do DF.

A equipe de reportagem da Agência Brasil tentou entrar em contato com o advogado Admar Gonzaga, responsável pela defesa de Jair Renan, porém, ele optou por não se pronunciar sobre o caso neste momento. A defesa de Maciel Alves, no entanto, ainda não foi encontrada até o momento da publicação desta matéria.

Mantenha-se atualizado com as notícias do Portal Tucumã, receba-as diretamente no seu WhatsApp clicando aqui: https://cutt.ly/96sGWrb.

Fonte: https://portaltucuma.com.br/filho-de-jair-bolsonaro-e-indiciado-pela-pc-por-crime-de-falsidade-ideologica-e-lavagem-de-dinheiro/